Close

O titulo do post pode até ser um pouco polêmico, afinal, é difícil escolher apenas uma cachoeira como a mais bonita de toda a Chapada Diamantina. Muitos consideram a Cachoeira do Buracão, que também achei incrível, mas para mim, nenhuma supera a Cachoeira da Fumacinha! Sem dúvida foi um dos lugares mais incríveis que já fui em toda a minha vida e sempre recomendo a todos os viajantes incluírem essa trilha no roteiro!

cachoeira da fumacinha, a mais bonita da Chapada Diamantina

Escolhemos fazer a trilha para a Cachoeira da Fumacinha um dia após a nossa ida à Cachoeira do Buracão. Como a primeira é uma trilha leve, não correríamos risco de estar cansados para o segundo dia. Dormimos bem cedo para iniciar o que eu chamava de “grande dia” com bastante disposição.

Combinamos de encontrar com nosso guia em frente ao nosso hotel as 6h30 da manhã. Tudo já estava preparado para o dia que seria bem longo: bastão de trekking, frutas, pequenos sanduíches e muita água! Estávamos preparados para fazer a trilha da Cachoeira da Fumacinha por baixo!

Dica: Vá até Ibicoara de forma independente e deixe para contratar um guia de lá. O valor sai muito mais em conta que contratar o passeio em alguma agência de Lençóis.

Assim como na Cachoeira do Buracão, o acesso à Cachoeira da Fumacinha é feito pelo Parque Natural Municipal do Espalhado e só é permitida a entrada acompanhado de um guia credenciado da região. Dali são mais 30 minutos de carro até o início da trilha.

cachoeira da fumacinha, a mais bonita da Chapada Diamantina

Trilha para a Cachoeira da Fumacinha

A trilha por baixo para a Cachoeira da Fumacinha, apesar de não ter subidas íngremes como na Trilha da Pedra da Gávea por exemplo, é considerada uma trilha pesada. São em média entre três horas e meia e quatro horas para chegar até a cachoeira, e o mesmo tempo para voltar.

Dica: Por mais que esteja calor, faça a trilha com uma calça leve. O início dela é bem fechado e com plantas com espinhos.

Por esse motivo, a trilha tem que ser iniciada muito cedo. O ideal é sair do hotel já com tudo pronto as 6h (ou até antes) para chegar no início da trilha por volta das 7h (lembram que ainda tem um bom chão de carro até o Parque Natural Municipal do Espalhado, né?). Lembre-se de que quanto mais cedo sair de casa, mais tempo para aproveitar na cachoeira você terá; porque também não tem como passar a tarde inteira nela. São mais quatro horas para voltar antes do sol se por.

Uma excelente opção para quem tem mais tempo e queira aproveitar melhor a cachoeira, os guias dão a opção de acampar no meio da trilha para continuar a no dia seguinte.

A maior parte da trilha é constituída de pedras, seguindo o leito do rio e essa é a parte mais “pesada”, exigindo um pouco de equilíbrio e força.

Dica: Use botas ou tênis de caminhada e se puder, um bastão de trekking. 

trilha para a cachoeira da fumacinha, a mais bonita da Chapada Diamantina

No decorrer da trilha, você irá passar por diversos poços, cachoeiras e espelhos d’água. Eles literalmente salvam em dias de muito calor e renovam para os próximos quilômetros de trilha. Nós fizemos a trilha com calma, com direito a paradas para comer e tomar banho em algumas cachoeiras pelo caminho. Levamos três horas e meia para chegar na Cachoeira da Fumacinha.

cachoeira-da-fumacinha-chapada-diamantina-mais-bonita-brasil-mochilao-dicas-fotos-viagem-poco

cachoeira-da-fumacinha-chapada-diamantina-mais-bonita-brasil-mochilao-dicas-fotos-viagem-espelho-dagua

O trecho final da trilha é bem bacana. Os gigantescos cânions que vieram te acompanhando desde o início da trilha se fecham completamente, ficando impossível avistar a cachoeira de fora dessa fenda, dando um ar de mistério do que você vai encontrar lá dentro.

cachoeira da fumacinha, a mais bonita da Chapada Diamantina

Para entrar na fenda, é preciso ir margeando as pedras segurando bem firme para não escorregar, já que as pedras ficam cheias de limo.

A visão de lá de dentro é mágica. Nunca tinha visto nada parecido na minha vida. A Cachoeira da Fumacinha é um daqueles lugares que você chega e fica em silêncio por muito tempo, contemplando a beleza do lugar. São mais de 100 metros de altura de uma cachoeira espremida per um cânion da mesma altura. Um espetáculo da natureza com uma formação única!

Após muita contemplação era hora das primeiras fotografias! Impossível não ficar com vontade de subir na pedra que parece ter sido especialmente colocada ali para fotos. Ao contrário do que parece, não é molezinha subir nela não. O limo atrapalha bastante e a pedra não é pequena como parece, mas vale a pena!

cachoeira da fumacinha, a mais bonita da Chapada Diamantina

Depois de um tempo de fotografia era hora de curtir aquele visual lá de dentro! Para variar, a água é bem gelada e para piorar um pouco mais a situação, são poucos os minutos em que o sol bate “dentro” da fenda que as rochas formam. Isso porque a abertura  do cânion em que a cachoeira é formada é bem pequena! Mas quando o sol bate é uma atração a parte! Aquele cenário iluminado por um feixe de luz deixa a Cachoeira da Fumacinha ainda mais bonita!

cachoeira da fumacinha, a mais bonita da Chapada Diamantina

 

cachoeira da fumacinha, a mais bonita da Chapada Diamantina

Após ficarmos hipnotizados pelo lugar e depois de um banho renovador na Cachoeira da Fumacinha, lembramos que estávamos morrendo de fome! O almoço foi ali mesmo, de frente para a cachoeira e para a nossa grande surpresa, nosso guia Roney tinha preparado uma farofa “com tudo dentro” extra, que acabamos comendo!

Após o almoço era hora de voltar. Fizemos o caminho de volta em um ritmo mais lento e chegamos ao ponto em que o carro estava estacionado em quatro horas.

A Cachoeira da Fumacinha superou todas as nossas expectativas e na minha opinião, é a mais bonita da Chapada Diamantina e uma das mais bonitas do Brasil. As oito horas de trilha (no total) são recompensadas pelo visual único que aquele lugar nos proporciona. Por mais que Ibicoara seja um pouco distante de Lençóis, não deixe de incluí-la no seu roteiro de viagem. Conhecer lugares como esse, não tem preço!

cachoeira da fumacinha, a mais bonita da Chapada Diamantina


Quer saber mais sobre a nossa visita à Chapada Diamantina? Confira também:

Cachoeira do Buracão – Chapada Diamantina

Chapada Diamantina – Roteiro de 10 dias

Chapada Diamantina – Roteiro de 10 dias parte 2

Vai conhecer a Chapada diamantina? Reserve aqui seu hotel!
banner-booking

Sobre o autor

Carioca da gema, flamenguista, psicólogo e apaixonado por fotografia. Para ele, qualquer lugar é perfeito com céu azul, sol e uma cerveja gelada. Após dois anos morando em Dublin, é hora de retomar a vida no Brasil e desbravar cada cantinho do nosso país.