Close
compras-em-bangkok-shopping-mbk

Nos vinte dias em que passamos na Tailândia ouvimos de tudo. Muitos perguntaram se estávamos em lua de mel, fomos confundidos com árabes, australianos e espanhóis e até nos responderam com “gracias” quando deixávamos escapar alguma palavra em português. Mas uma pergunta era unanimidade: “Shop? Shop?” Não houve um tailandês que não tenha nos perguntado se tínhamos ido ao país para fazer compras.

Como falamos nos posts anteriores sobre os golpes de Bangkok, ao que parece existe meio que um pensamento em grande parte da população de que o visitante tem que gastar em seu país. Embora tenhamos sentido isso também nas ilhas do sul, essa sensação fica mais clara em Bangkok, onde é claro, as opções de compras são bem maiores.

Embora o principal objetivo não só dessa, mas de todas as nossas viagens, tenha sido conhecer a cultura e os atrativos naturais do local, não há como evitar e sempre acabamos comprando uma coisa ou outra. Afinal, sempre tem um parente ou amigo para presentear; uma encomenda para levar… Sem contar que é ótimo olhar para um objeto e lembrar do lugar maravilhoso onde ele foi comprado.

compras, bangkok, mbk, shopping, tailandia
MBK Shopping

O que comprar na Tailândia?

A maior parte do “comércio para turistas”, ou seja as lojas para as quais você é constantemente empurrado, baseia-se na venda de pedras preciosas e jóias e em ternos sob medida. Infelizmente caímos num golpe onde fomos parar em uma dessas lojas. As jóias realmente eram lindíssimas, mas como não entendemos da coisa, ainda as achamos muito caras (o mais barato era um pingente de prata pelo custo de 1000 bth). Phuket é conhecida por suas pérolas. Ouvimos que são bem baratas lá se comparadas com outras lojas do mundo. Se seu interesse for nesse tipo de comércio talvez seja melhor guardar seus baths para gastar lá.

A Tailândia também é conhecido como o país da seda. A fabricação desse tipo de tecido é tão importante no país que o Museu Textil da Rainha Sirikit foi criado para contar como o atual casal real impulsionou e incentivou a produção da seda como forma de desenvolver o país. Existem alas inteiras que mostram o caminho que os produtores percorreram para chegar a famosa seda tailandesa. Só tem um problema: quando você anda pelos mercados procurando por seda, tudo “vira” seda tailandesa.

compras, bangkok, seda tailandesa, shopping, tailandia

O produto ficou tão cobiçado pelos visitantes que diferentes tipos de tecido são apresentados como “a seda tailandesa”. Achamos toalhas de mesa, pashminas e echarpes feitos artesanalmente e com tecido lindos, só não eram a tal seda. Curiosamente o único lugar onde achamos seda de verdade foi na loja “Jim Thompson”, uma opção nada barata para lembranças, mas de ótima qualidade.

Definitivamente o melhor para se comprar na Tailândia são os equipamentos eletrônicos. Como o país é quase vizinho da China, os eletrônicos chegam com facilidade lá (junto com muitos falsificados também). A própria Tailândia tem em seu terrítório fábricas de gigantes como a Nikon. É possível encontrar iPhones, iPads, toda a familia do Samsung Galaxy e muitos acessórios por preços bem acessíveis que no Brasil.

compras, bangkok, equipamentos eletronicos, shopping, tailandia

Onde comprar na Tailândia?

Com exceção das pérolas de Phuket, a melhor cidade para se fazer compras na Tailândia é na capital Bangkok. Vale apena separar um dia para aproveitar os mercados e shoppings locais.

Além da Kao San Road, visitamos o MBK Shopping assim que chegamos em Bangkok. Esse shopping é uma mistura de mercado popular com muitas barracas (sim, do tipo camelôs mesmo) com mega lojas de marcas como a da Cannon. Lá é possível comprar móveis, tirar fotos com as roupas da família real e até comprar cremes e perfumes importados tal como num mercado informal.

compras, bangkok, mbk, shopping, tailandia

compras, bangkok, mbk, shopping, equipamentos eletronicos, tailandia

compras, bangkok, mbk, shopping, capa celular, tailandia

É tanta gente nos corredores e tantas araras e produtos expostos que é dificil identificar o que é falsificado e o que não é. Existem alas inteiras só de stands que vendem desde capas para celular com bichinhos até equipamentos laptops de última geração. A tentação nesses espaços é bem grande, mas acabamos comprando apenas uma GoPro Hero 3, 30% mais barata do valor do mercado brasileiro. Ótima compra não só no preço. O resultado dessa câmera vocês podem conferir também nos vídeos sobre as mais belas ilhas e praias e sobre a noite na Tailândia.

O Siam Paragon é um shopping com foco mais para produtos de luxo. Foi o segundo lugar mais fotografado e postado no Instangram em 2012, de acordo o ranking da própria rede.  Como o tempo ficou apertado, optamos por não ir lá, mas pelo que ouvimos vale a pena ir mesmo que a intenção não seja comprar e sim admirar o prédio.

O que é o imposto VAT?

Uma dica importante é sobre o imposto chamado VAT. Trata-se do Value Added Tax, algo como “imposto do valor agregado”. São cobrados 7% em cima tanto de produtos como de serviços (restaurantes). Muitas lojas, em especial as do aeroporto, possuem o “VAT Refund”. Essas lojas são identificadas por um adesivo. Nas compras acima de 2000 baht o comprador tem o direito de receber o valor do VAT de volta. Isso pode ser feito diretamente no “Tourist Office” do aeroporto ou mesmo pelo correio. Todo o procedimento é explicado na nota fiscal especial que é dada ao comprador. De qualquer forma, uma dica sempre importante é sempre pedir a nota fiscal dos produtos comprados. Falamos aqui muito de eletrônicos. Com esses produtos a fiscalização é maior. Guarde sua nota para evitar problemas!


Vai viajar para a Tailândia? Clique aqui e faça seu seguro viagem com a Seguros Promo! Ganhe desconto usando o cupom DEIXADEFRESCURA5

Quer saber mais sobre a Tailandia? Confira também:

Roteiro completo da nossa viagem para a Tailândia

Railay Beach – A praia mais bonita da Tailândia

Tailândia: Preços de hotéis, passeios e comidas!

Tudo sobre a Tailândia: Post índice

Comida na Tailândia – Delicias e surpresas de viagem

Confira as melhores opções de hotéis em Bangkok:
banner-booking

Sobre o autor

Niteroiense de nascença, Botafogo de coração, Relações Públicas por formação, blogueira e viajante por paixão! Ama destinos históricos e visitar Museus em todo o mundo, mas não dispensa uma boa praia. Para ela, uma viagem não está completa sem apreciar (e bem) a culinária local e as lojas, claro.