займ онлайнкредиты онлайн
Close

Não é segredo para ninguém que uma boa hospedagem contribui e muito para o sucesso de uma viagem. E quem disse que é preciso pagar caro para isso? No Marrocos encontramos hospedagens bem em conta e não foi preciso abrir mão de nenhum conforto.

Como falamos no post Qual é o melhor tipo de hospedagem? cada tipo de viagem pede um tipo de hospedagem. Geralmente a primeira opção que vem à mente (principalmente para economizar) é a de ficar em um albergue/hostel. Mas em Marrakech encontramos hostels mais caros que outras opções como Hotéis (que oferecem também quartos privados, mas com banheiros compartilhados a ótimos preços) e Riads.

marrakech-marrocos-vista-praca-jemma-el-fna-koutubia-vista-noite-viagem-ferias-africa

Como são os Riads?

Nós optamos por ficar em Riads, o equivalente às Pousadas brasileiras. Tratam-se de pequenos hotéis com entre quatro e oito quartos. A maioria dos Riads são casas tradicionais marroquinas do fim do século XVIII, que foram transformadas em hospedagem, mas que ainda mantém a decoração e toda a atmosfera da cultura árabe.

Qual a melhor localização para se hospedar?

A principal decisão em relação a localização é: ficar dentro ou fora da Medina. A Medina é conhecida como a “cidade antiga”. Ela é murada e suas ruas são estreitas e confusas. Assim, o acesso aos Riads dentro da Medina não dá para ser feito de carro.

Após lermos algumas opiniões em outros sites, decidimos ficar dentro da Medina. Sem dúvida essa é a melhor forma de viver mais intensamente a cultura marroquina. A dica para conseguir um Riad com boa localização é tomar como referência a Praça Jemma el-Fna. Avaliando as opções, fechamos nossa primeira estadia com o Riad Agdim.

Riad Agdim

A primeira coisa você precisa saber sobre os Riads é que, como eles eram casas marroquinas, eles não possuem uma fachada tradicional de hotel com letreiro ou coisa parecida. A entrada deles nada mais é do que um portão e, às vezes uma tímida placa com o nome do Riad. Dessa forma, nossa primeira impressão do Agdim foi a de estar no lugar errado (mesmo estando acompanhados do funcionário do Riad).

O Riad é pequeno com apenas cinco quartos, mas bem aconchegantes e com banheiro privativo. Os quartos são bem decorados com estilo tradicional árabe, tendo por exemplo as tradicionais lâmpadas marroquinas.

riad-marrakech-marrocos-2

O preço da diária para o quarto duplo, incluindo o café da manhã, foi de € 35, cerca de R$105 (preço referente a dez/2014). Fechamos na hora e assim que fizemos nossa reserva, recebemos um email oferendo o transfer do aeroporto até o Riad por € 20. Achamos o preço um pouco alto, mas resolvemos fechar, já que não conhecíamos a cidade nem falávamos as línguas oficiais (e foi a melhor coisa que fizemos. Confira em: 10 dicas práticas e essenciais para quem vai à Marrakech).

Mas o que mais se destaca nos Riads é o atendimento, sempre bem pessoal. O Tarik, uma espécie de faz tudo no Riad Agdim nos recebeu na porta da Medina (onde o carro nos deixou, pois não poderia passar dali), nos levou até o hotel, nos serviu o famoso chá de menta marroquino e quando precisamos sair por volta das 6h30 para fazer o passeio no Deserto do Saara, ele preparou todo o nosso café da manhã (já que a moça responsável só chegava mais tarde).

riad-marrakech-marrocos-3

O Wi-fi parece ser um problema em todo o Marrocos. O sinal pegava muito bem nas área comuns do Riad, mas dentro do quarto o sinal era fraco.

De qualquer forma, adoramos o Riad Agdim. Não é para quem está procurando luxo, mas a localização e principalmente o atendimento compensam essa falta do glamour que, diga-se de passagem, não faz a menor diferença para a gente. Para quem quiser se hospedar nele também esse é o link deles no Booking.

Riad Les Jardins Mandaline

Como planejamos fazer o passeio do Deserto do Saara de três dias e duas noites, optamos por passar três noites no Riad Agdim e quando retornamos escolhemos ficar em um Riad mais próximo aos monumentos que ainda não tínhamos visitado como o Madraçal Ben Youssef e o Museu de Marrakech

Como de costume, nossa busca pelo Les Jardins Mandaline também foi pelo Booking (clique aqui para ver os preços). A localização é mais complicada de se achar sem ajuda, mas o Riad é mais “luxuoso” que o Agdim. Também possui mais quartos (todos temáticos), uma piscina aquecida (que nem tivemos tempo de testar) e um terraço bem confortável para curtir o sol de inverno. Pagamos o mesmo preço que o Riad Agdim (também incluindo o café da manhã).

riad-marrakech-marrocos-4

O wi-fi mais uma vez foi um ponto negativo, ainda mais para a gente que sempre procura atualizar as informações do blog e das redes sociais do Deixa de Frescura também durante as viagens. Não há sinal nos quartos, apenas na áreas comuns do Riad. Também há um computador disponível para o uso dos hóspedes no pátio.

DCIM101GOPRO

Qual é o melhor Riad?

O Riad Les Jardin Madaline oferece a melhor estrutura e conforto no quarto, além do café da manhã que é mais variado. É um ótima opção para quem procura descançar bastante durante a viagem. Mas, para nosso tipo de viagem (onde passamos muito tempo fora) e priorizamos localização, o melhor é o Riad Agdim.

Vale lembrar também que todos os hotéis e Riads cobram uma taxa de € 2,50 por pessoa e por dia que não estão inclusas na hora da reserva pelo Booking. Além disso, o pagamento da estadia só é feito no momento do check-out e em dinheiro (euros ou dirhans), o cartão de crédito é só uma garantia. Então prepare-se para estar com esse dinheiro em mãos.


Vai viajar para o Marrocos e ainda não contratou seguro de viagem? Clique aqui e garanta 15% de desconto na Mondial Assistance.

Quer saber mais de Marrakech? Confira também!

Palácios no Marrocos – Badi, Bahia e Tumbas Saadianas

Praça Jemma el-Fna e Koutoubia – os símbolos de Marrakech

Marrakech – A cidade vermelha e seus contrastes

Veja aqui todas as opções de hospedagem em Marrakech!
banner-booking

Sobre o autor

Carioca da gema, flamenguista, psicólogo e apaixonado por fotografia. Para ele, qualquer lugar é perfeito com céu azul, sol e uma cerveja gelada. Após dois anos morando em Dublin, é hora de retomar a vida no Brasil e desbravar cada cantinho do nosso país.

  • Luciana Câmara

    Oi Bruno, fiz reserva para o mesmo Riad Agdim que ficaram. Estou tentando contato com eles para contratar o transfer q sugeriram e não consigo resposta. Vc ainda tem o email deles ?! Mando mensagem pelo site, facebook, instagram, tripadvisor e nada…

    • Olá Luciana, procurei aqui mas não tenho mais o email deles. Você reservou pelo booking? Quando você vai reservar o hotel, tem uma opção para fazer pedidos especiais. Se eu não me engano, foi por lá que pedimos o transfer.

      • Luciana Câmara

        Muito Obrigada, Bruno. Depois de algumas tentativas eles me responderam pelo Instagram.
        Já acertamos tudo.
        Valeu !!!??